Pai rico, pai pobre – 10 ensinamentos que podemos tirar

Certamente você já ouviu falar deste best-seller de Independência financeira o Pai rico, pai pobre, livro do escritor e também empresário Robert T. Kiyosaki com coautoria de Sharon L. Lechter. 

Apesar de ter escrito dezenas de livros ficou famoso justamente por esse título, que tem inspirado milhares de pessoas a ter mais conhecimento sobre a vida financeira.

Com discurso motivacional ele também basicamente defende que o que torna os ricos, mais ricos é sua capacidade de, além de ser seu próprio chefe, adquirir mais ativos (bens que geram renda) do que passivos (bens que gastam a renda).

E nessa tese estaria a principal diferença, onde os pobres adquirem bens de mercado de baixo valor que pensam ser ativos.

Sem mais delongas, para explanar melhor o assunto, seguem os 10 principais ensinamentos que você pode tirar do livro e atingir a esperada “inteligência financeira” para que desfrute de uma vida abundante e próspera. 

Saia da corrida dos ratos.

Em analogia ao hamster que para pratica exercícios naquela roda que não sai do lugar, ele utiliza isso para identificar o padrão da maioria de pensamento pobre.

Eles trabalham para ganhar seu dinheiro e acabam gastando tudo o que tem, principalmente em bens e itens até considerado supérfluos, esgotando suas reservas e por fim ficando sem dinheiro e retornando ao início do ciclo: trabalhar novamente.

Segundo Kiyosaki, é necessário sair desse loop contínuo que de nenhuma forma vai torná-lo rico, e sim você vai trabalhar apenas para existir na vida e não realmente vivê-la.

Aprenda sobre Educação Financeira

Infelizmente não aprendemos nada sobre isso. Enfrentamos anos de estudo com escola, ensino superior e no final nenhuma informação que nos ajude a controlar nossa vida financeira.

O único meio que temos para isso é que nós mesmos procuremos por mentores, aulas online e qualquer outro método que o ajude a entender sobre o assunto.

Com certeza, se você digitar em algum buscador “independência financeira” vai aparecer muito material que possa auxiliá-lo nessa empreitada.

Se torne um empreendedor

Segundo o autor, ele acredita que o empreendedorismo traz importantes lições sobre negócios e todo ser humano deve entender um pouco sobre isso.

Ainda no livro ele deixa a entender que a liberdade financeira é mais facilmente alcançada quando você é seu próprio chefe.

Ele entende que como chefe é mais fácil ter mais que uma fonte de renda, enquanto funcionário, ele fica limitado a um emprego com hora e salário fixo.

Entenda a diferença sobre passivos e ativos

Basicamente o que foi dito na Introdução do artigo, as pessoas pobres focam muito sua energia em aquisição de itens passivos, pensando que são ativos (tais como um automóvel para uso próprio). Se você quer transformar seu automóvel em um ativo é preciso que você o compre (de preferência à vista) e alugue mensalmente para alguma pessoa usá-lo como Uber.

Kiyosaki deixa bem claro a respeito disso que a é muito importante que as pessoas entendam o que são passivos (bens que diminuem a renda) e ativos (bens que aumentam sua renda).

Comece agora

Se você tem como objetivo acumular riqueza, não importa a hora: comece agora! Se você é jovem, tem mais tempo para completar seus objetivos.

Se você está em fase adulta, nada te impede de criar um cronograma e com esforço, alcançar seus objetivos.

Basta se planejar, agir continuamente, todos os dias, e qualquer um consegue atingir seus objetivos.

Esteja em constante aprendizado

Aprender e buscar conhecimento ajuda a estimular o seu cérebro, dessa forma, alimentando informações e até alterando seu modo de pensar, dando uma nova visão sobre o mundo.

Uma visão que pode ser diferente e o auxilie a perceber as oportunidades que antes não eram vistas ou até mesmo a dominar informações que possam ser trabalhadas ao seu favor. 

Agora o mais importante de tudo, é que o conhecimento que você absorve deve no mínimo estar em consonância com seus objetivos.

Não adianta ter um vasto conhecimento que não possa aplicá-lo na prática. 

Seja criativo com o dinheiro

Ao invés de trabalhar pelo dinheiro, você precisa aprender um meio de fazer o dinheiro trabalhar por você.

Você pode começar a investir ou até mesmo se tornar proprietário de um negócio.  

Nesse ponto Kiyosaki até cita um exemplo de que o Pai rico não trabalhava por dinheiro, mas seus funcionários trabalhavam diariamente pelo seu dinheiro.

O pai rico trabalhava para ter mais ativos (investimentos, empresas, imóveis) e seus funcionários trabalhavam pelo dinheiro que ele fornecia.

Entenda a diferença de ser e estar pobre

Ser pobre é um estado mental e não importa o dinheiro que você consiga, no final sempre acabará gastando-o da forma errada.

Serve de exemplos os milionários do Big Brother que hoje estão na pobreza novamente.

Estar pobre é uma situação momentânea, que uma pessoa com mentalidade rica pode transformar em questão de algum tempo e esforço.

Seja cético quanto às crenças limitantes

Por algum tipo de impacto emocional ou mental você pode ter criado alguns bloqueios na sua mente que o impedem de crescer.

Pode ser até curioso pensar dessa forma, no entanto, muitas pessoas deixam de arriscar ou atingir seu potencial devido à isso.

Quem já não ouviu algo como “Ele ficou rico e mudou, agora está esnobe”. Dinheiro não muda a personalidade da pessoa, apenas dá poder.

Quantas pessoas ficam ricas e se mantêm humildes?

 Saia da zona de conforto

Costumo sempre dizer nos meus cursos. Se você continuar fazendo o que sempre fez, vai continuar obtendo o que sempre teve. Mudanças só vem com grandes rupturas.

Você precisa juntar uma energia para sair desse estado de “segurança” e arriscar mais na vida. Grandes oportunidades só existem para aqueles que se arriscam a agarrá-las.

Sobre JamesDoorman

Palestrante, Educador Financeiro e pesquisador a mais de 23 anos dos principais segredos das pessoas de sucesso e milionários por todo mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *