4 Erros comuns que te impedem de evoluir financeiramente

Existem alguns costumes errados que as pessoas cometem no decorrer da vida, que sem que percebam as mantém na pobreza.


Infelizmente para essas pessoas, tais hábitos os afastam cada vez mais da tão sonhada liberdade financeira.

Portanto, segue abaixo, os erros mais comuns que nós devemos evitar se
quisermos atingir nossos objetivos de vida.

1 – Falta de controle financeiro

Basicamente é gastar mais dinheiro do que consegue ganhar. Isso é bem mais comum que pensamos.

Isso ocorre principalmente porque eles não têm uma educação financeira
apropriada.

Não separam corretamente o dinheiro para pagar as contas, parcelam muitas coisas e se perdem depois, não guardam dinheiro para um reserva de emergência entre outras coisas.


Além disso, algumas pessoas, muitas vezes são influenciadas (por vários fatores externos tais como amigos, TV, etc.) e querem manter um padrão de vida que não lhes convém.

É preciso que você tome ciência da capacidade de compra que seu salário tem.

Analise os gastos para ter uma noção mais exata de quanto realmente sobra no final do mês.

2 – Consumismo desenfreado

O consumismo desenfreado é a compra de algo não pela sua ausência ou necessidade real, mas sim pela vontade incontrolável de comprar.

É comum algumas pessoas passarem na frente da loja, ver algo que gostam e sair comprando mesmo sem precisar daquilo.

Entenda, que não estou falando para não comprar o que você gosta, mas sim comprar com consciência.


Você tem dinheiro para comprar?

Aquilo é realmente necessário?

Pense antes de comprar.


Será que essa compra vai nos afetar emocionalmente ou financeiramente?

Se você compra algo porque dá para parcelar, não compre. Estabeleça um limite de gastos.

3 – Pagar juros ao invés de receber juros

Antes de mais nada é necessário que você entenda a diferença e significado de dois termos comuns sobre finanças: ativo e passivo.

De uma forma bem simples e resumida, ativo é tudo aquilo que gera renda (ações, títulos, imóveis alugados) e passivo é tudo aquilo que gera
despesa (prestações da casa, carro e afins).


Enfim, faça com que seu dinheiro trabalhe para você. Não adquira um automóvel, se você vai ter que financiá-lo, pois os juros de uma compra desse tipo, no final, podem chegar ao valor de mais um carro.

Se você quer adquirir um automóvel, compre à vista.

Crie um plano com metas para juntar dinheiro para tal objetivo.

Com certeza vai levar menos tempo para você juntar o dinheiro que precisa do que pagar as parcelas até quitar.


Ainda, vamos supor que você tenha dinheiro sobrando.

Que tal investir?

Sei que parece difícil, mas você pode aprender como investir e fazer seu dinheiro render.

Muitas pessoas físicas hoje fazem isso.

Você pode adquirir conhecimento e prática em investimentos desde que dedique um pouco de tempo para tal.

Só tenha em mente duas coisas: não espere retornos rápidos e
muito menos exagerados.

Investimento é um processo que pode levar tempo, no entanto, traz
um retorno.

4 – Não possuir uma forma de obter renda extra

A independência financeira não é atingida facilmente.

É necessário esforço.

Eu ouço muitas pessoas me dizerem que nunca sobra dinheiro no final do mês. Eu respondo “Se reinvente, procure alguma forma de obter renda extra”.


O que quero dizer com isso?

Que você vai sim precisar trabalhar mais para conseguir dinheiro.


Mas esse sacrifício que você faz agora, garantirá o seu futuro dos sonhos.
Estamos numa época onde a tecnologia trabalha a nosso favor.

Existem aplicativos que nos ajudam a gerar uma renda extra.

Muitas atividades até você nem precisará sair de casa.

Tente criar uma atividade que o ajude a melhorar sua renda e que sobre algo para que você possa alcançar tudo o que deseja.

Com esforço, força de vontade e persistência tudo pode ser conquistado.

Sobre JamesDoorman

Palestrante, Educador Financeiro e pesquisador a mais de 23 anos dos principais segredos das pessoas de sucesso e milionários por todo mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *